conecte-se conosco

Destaque

Petróleo cai 3% apesar dos cortes da OPEP +, quando o Golfo encerra restrições voluntárias

Publicada

em

O petróleo caiu mais de 3% nesta segunda-feira, depois que os países da OPEP + concordaram em estender os cortes na produção, mas a Arábia Saudita e dois outros produtores do Golfo disseram que não manteriam reduções suplementares que equivalem a mais de um milhão de barris de suprimento diário.

O petróleo caiu, quebrando uma série de sete dias de ganhos. Os contratos futuros caíram US $ 1,50, ou 3,6%, para fechar em US $ 40,80 por barril. Enquanto isso, o petróleo bruto West Intermediate (WTI) caiu US $ 1,36, ou 3,4%, para US $ 38,19.

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo, Rússia e outros produtores concordaram em abril em cortar o fornecimento em 9,7 milhões de barris por dia (bpd) em maio e junho para apoiar os preços, já que os bloqueios por coronavírus causaram o colapso da demanda.

O grupo, conhecido como OPEP +, concordou no sábado em sustentar esses cortes, iguais a cerca de 10% da oferta global, até julho.

5/5 - (1 vote)

Redação do Jornal Opinião Goiás. E-mail: [email protected]