Novo Cras em Santa Maria amplia atendimento a 5 mil famílias vulneráveis

No intuito de fortalecer os serviços socioassistenciais em Santa Maria, um novo capítulo se inicia com a inauguração do segundo Centro de Referência de Assistência Social (Cras) na cidade. Este novo equipamento público, estrategicamente instalado no Condomínio Porto Rico, Conjunto F, Casa 9, assume a missão de atender até 5 mil famílias em situação de vulnerabilidade social.

Com uma localização provisória, o espaço no Porto Rico tem uma vigência prevista de 60 meses, oferecendo uma solução temporária crucial para assegurar o atendimento aos residentes do condomínio e das quadras adjacentes. Essa medida emergencial busca preencher uma lacuna na prestação de serviços até que uma estrutura definitiva seja viabilizada.

Governador Ibaneis Rocha, ao enfatizar a importância estratégica do novo Cras, ressalta que o Porto Rico figura como uma das áreas mais vulneráveis em Santa Maria. “Essa unidade do Cras se torna ainda mais essencial para atender toda essa população carente que necessita dos serviços e benefícios do governo, além de desafogar o outro Cras de Santa Maria, que estava sobrecarregado”, afirma o governador.

A primeira-dama Mayara Noronha, ao destacar o compromisso do Governo do Distrito Federal (GDF) com o desenvolvimento social, enfatiza que o Cras Porto Rico amplia a rede de atendimento socioassistencial do DF. “Agradeço a todos os envolvidos nessa entrega e reforço nosso empenho contínuo em oferecer serviços públicos eficazes, que promovam o desenvolvimento e o bem-estar da nossa comunidade.”

A nova unidade, mantida pela Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes-DF), abrange uma área total de 500 m², com 459 m² de área construída. O espaço conta com oito salas para atendimentos, almoxarifado, banheiros para beneficiários e servidores, copa e cozinha, além de uma área externa. O corpo de servidores será composto por quatro agentes sociais, quatro especialistas e um gerente.

Ana Paula Marra, secretária de Desenvolvimento Social, destaca que o Cras Porto Rico atuará em complemento aos atendimentos já realizados nos Cras Santa Maria e Cras Gama, os mais próximos da região. “A nova unidade é uma demanda antiga da comunidade”, ressalta.

O administrador regional de Santa Maria, Josiel França, prevê que a entrega do Cras Porto Rico aumentará significativamente o acesso da população aos serviços e benefícios governamentais. “É interessante trazer um Cras para outra região da cidade, para ofertar um atendimento melhor à comunidade mais vulnerável e ampliar o acesso, que estava concentrado na primeira unidade.”

Moradores da região, como a dona de casa Ana Paula Duarte e a manicure Patrícia Nunes, expressam sua satisfação com a chegada do novo Cras. Ana Paula Duarte destaca a importância de um ponto de atendimento mais próximo, facilitando o acesso para aqueles que têm dificuldade em se deslocar. Patrícia Nunes, mãe solo de seis filhos, enfatiza a contribuição vital do Cras em sua vida e expressa otimismo em relação à nova unidade.

Com a inauguração, o Cras Porto Rico se torna a 31ª unidade do Distrito Federal, desempenhando o papel crucial de porta de entrada para a população mais vulnerável acessar os programas socioassistenciais oferecidos pelo GDF. O acesso aos benefícios é condicionado à inscrição no Cadastro Único, e os agendamentos para atendimento podem ser realizados através do telefone 156 ou do site da Sedes.

Avalie o Post post

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo