Ministério da Fazenda destina R$ 707 milhões do Plano Safra para auxiliar produtores de leite

Em um esforço para apoiar os produtores de leite enfrentando desafios decorrentes dos baixos preços do mercado, o Ministério da Fazenda anunciou na segunda-feira (22) um remanejamento de recursos no valor de R$ 707 milhões do Plano Safra 2023/24. Esses fundos serão direcionados para uma linha de crédito emergencial de capital de giro, destinada especificamente às cooperativas de produtores de leite.

Conhecida como “Programa de Capitalização de Cooperativas Agropecuárias (Procap-Agro Giro) Faixa 2”, essa linha emergencial visa oferecer suporte financeiro aos produtores de leite, permitindo que eles obtenham empréstimos com taxas de juros de 8% ao ano e um prazo de pagamento de 60 parcelas, incluindo uma carência de 24 meses para o pagamento da primeira parcela.

A criação dessa linha de crédito foi aprovada pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) em dezembro e será operada por duas instituições financeiras de renome, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que disponibilizará R$ 507,485 milhões, e o Banco do Brasil (BB), com um montante de R$ 200 milhões a serem emprestados. Essa medida visa fortalecer o setor de produção de leite e oferecer alívio aos produtores que enfrentam dificuldades econômicas.

Avalie o Post post

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo