conecte-se conosco
[the_ad id="51778"]

Brasil

Jornal de Goiânia – Economia realiza audiência pública para debater nova contratação de telefonia fixa e móvel

Publicada

em

Iniciativa abrange demanda de 122 órgãos e está estimada em mais de R$ 260 milhões

Ministério da Economia (ME) realizará, no dia 21 de julho, às 10h, uma audiência pública para debater a nova proposta de contratação de serviço de telefonia fixa e móvel no Executivo Federal. A licitação está estimada em R$ 266 milhões e contará com a participação de 122 órgãos do governo. A iniciativa faz parte do Plano Anual de Contratações de 2020 e deve contemplar a necessidade do setor público para o período de 30 meses. A economia estimada para este processo de compra centralizada, que será realizada em agosto, está em torno de R$ 33 milhões.

“Esta estimativa de economia considera tanto a redução do preço quanto a quantidade de processos licitatórios que deixarão de ser realizados por estarmos utilizando a Central de Compras. É o governo trabalhando para simplificar e desburocratizar as aquisições públicas”, afirma o secretário de Gestão do ME, Cristiano Heckert. “Convido todos os gestores e servidores que atuam na área de contratações a participar da audiência e sanarem suas dúvidas”, complementa o secretário.

Para simplificar o procedimento licitatório, os serviços de telefonia fixa e móvel foram segregados em lotes distintos, sendo o Lote 1 dedicado a serviços de telefonia fixa e o Lote 2 destinado à contratação de serviços de telefonia móvel. O termo de referência, que será o foco da audiência, está disponível no portal do ministério.

O documento procurou simplificar o modelo de contratação dos serviços de telefonia, assim como se adequar às mudanças ocorridas no mercado. Foram utilizados como parâmetros, por exemplo, a atual forma de comercialização utilizada pelas operadoras desses serviços e os perfis de consumo mais utilizados.

Os interessados em participar do debate devem acessar o canal do ME no YouTube. Dúvidas ou sugestões sobre o processo de aquisição podem ser enviadas, até 17 de julho, para o seguinte endereço eletrônico: [email protected].

Classificar post

Redação do Jornal Opinião Goiás. E-mail: [email protected]