Jornal Opinião Goiás – Governo Federal conclui mais de 760 obras no país em 2021

Obras de infraestrutura turística realizadas em 2021 com apoio financeiro do Governo Federal, por meio do Ministério do Turismo, aprimoraram atrativos de cidades em todas as regiões do país. A partir de um investimento total de R$ 866,2 milhões, no último ano, 762 projetos foram concluídos. Entre eles estão melhorias de espaços de eventos, praças públicas, orlas, pavimentação asfáltica e a construção de mirantes, entre várias outras intervenções.

No Nordeste, que recebeu aportes de R$ 274,7 milhões, houve a finalização de 268 trabalhos do tipo. Destaque para a entrega da nova orla do Rio Balsas, na cidade de Balsas, que teve à disposição R$ 1,6 milhão do ministério. O projeto, que envolveu ações a exemplo de concretagem, paisagismo e da construção de quiosques, eleva o potencial turístico da localidade do Sul do Maranhão, cenário de diversos rios e cachoeiras.

Já na região Sul, destino de R$ 94 milhões, foram concluídas 219 obras. A lista inclui a pavimentação do acesso a praias de Bombinhas (SC), que contou com R$ 4,6 milhões do Governo Federal. A cidade, contornada por águas cristalinas e Mata Atlântica abundante, também ganhou a Passarela do Ribeiro, estrutura de 800 metros de extensão que interliga enseadas locais e recebeu R$ 2,3 milhões.

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, observa que os trabalhos evidenciam o empenho pela retomada do setor. “Essas obras, muitas delas abandonadas no passado, atestam o compromisso do Presidente Jair Bolsonaro com a entrega de equipamentos perenes, que vão impulsionar o turismo e favorecer a retomada”, frisa.

Já no Sudeste, que teve disponibilizados R$ 294,3 milhões, houve a entrega de 155 obras. Entre elas está a ampliação do Centro de Eventos de Votuporanga (SP), que recebeu R$ 975 mil e passou a ostentar novo piso de concreto, calçamento e banheiros, entre outras benfeitorias. Distante 520 quilômetros da capital paulista, a cidade, banhada por rios e córregos, abriga atrativos a exemplo da Catedral Nossa Senhora Aparecida.

Na região Norte, por sua vez, foram concluídos 63 projetos, a partir de investimentos totais de R$ 141,4 milhões. Entre eles, a revitalização da Orla da Graciosa, um dos principais cartões-postais de Palmas (TO), alvo de um repasse de R$ 1,4 milhão. O Centro-Oeste, por sua vez, teve assegurados R$ 61,6 milhões, que renderam a entrega de 57 obras. A relação engloba a iluminação do acesso e da orla do complexo de lagos de Matupá (MT), que contou com R$ 1,9 milhão.

REGIONALIZAÇÃO – As obras apoiadas pelo MTur são realizadas, preferencialmente, nos municípios do Mapa do Turismo Brasileiro, ferramenta do Programa de Regionalização do Turismo (PRT) que orienta a aplicação de recursos públicos em destinos que adotam o turismo como estratégia de investimento e de retorno econômico. As verbas provêm do orçamento próprio do órgão e, também, de emendas parlamentares apresentadas ao ministério.

APRIMORAMENTOS – Ao longo de 2021, foram iniciadas, ainda, outras 398 obras de infraestrutura turística com recursos do Ministério do Turismo em todo o país, fruto de um investimento total de R$ 211 milhões do Governo Federal. O Ministério do Turismo administra, atualmente, uma carteira ativa de 2.861 trabalhos do tipo no Brasil. Os projetos envolvem repasses de R$ 2,9 bilhões, sendo que R$ 1,3 bilhão já foi executado.

Classificar post
Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo