Jornal Opinião Goiás – Em Davos, Paulo Guedes destaca avanço da agenda de reformas do Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes, destacou nesta terça-feira (24/5) que o Brasil está avançando na agenda de transformações por meio da digitalização dos serviços, da modernização dos marcos regulatórios, da privatização de ativos estatais e da atração de investimentos estrangeiros. Ele participou de uma sessão IGWEL (Encontros Informais de Líderes Econômicos Mundiais, na sigla em inglês) do Fórum Econômico Mundial em Davos, na Suíça, sobre a resiliência da recuperação econômica.  No evento, os participantes trocaram avaliações sobre os fatores necessários para viabilizar a retomada das economias diante dos desafios na atual conjuntura internacional.

Também pela manhã, Guedes se reuniu com o CEO de Emergentes da Merck, Van Acker, e com o presidente da Alibaba, Michael Evans. As duas empresas manifestaram grande interesse em ampliar as atividades no Brasil. No caso da Merck, destaque para a parceria em curso com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) para desenvolver e produzir um novo medicamento contra a Covid-19. Já o presidente da Alibaba afirmou que a empresa vê no Brasil o destino preferencial para ampliar suas atividades de comércio.

A agenda desta manhã incluiu ainda um encontro com o fundador da Central Única das Favelas (Cufa) e CEO da Favela Holding, o brasileiro Celso Athayde – que recebeu o prêmio de Empreendedor do Ano de Impacto e Inovação. O ministro parabenizou Athayde e reafirmou o apoio à proposta de promover medidas adicionais de desoneração a pequenos produtores, com o objetivo principal de fomentar a capacidade produtiva inovadora e exportadora de projetos em comunidades e favelas.

Investidores internacionais

O último compromisso de Paulo Guedes pela manhã foi com investidores internacionais, em um almoço oferecido pelo banco Itaú. Na ocasião, o ministro falou sobre a agenda de reformas econômicas promovida no Brasil nos últimos anos, ressaltando a melhora do ambiente de negócios no país e as oportunidades de investimentos, especialmente nos setores de energias renováveis, educação e saúde. Ele lembrou que os resultados fiscais do governo têm sido positivos, apesar da conjuntura desafiadora, e observou que o fluxo de comércio externo se mantém em trajetória ascendente.

Na agenda da tarde, o ministro teve reuniões bilaterais com o CEO da UBS, Colm Kelleher, e com o CEO da Arcellor Mittal, Lakshmi Mittal. Nos encontros, Guedes tratou da conjuntura econômica do Brasil, destacou os resultados dos leilões de investimentos e a modernização dos marcos regulatórios. Também fez referência ao programa de crescimento verde, em especial ao potencial da utilização da Cédula do Produtor Rural Verde (CPR Verde) como instrumento para promover o avanço da agenda de desenvolvimento econômico sustentável. Durante os encontros, os empresários enfatizaram a importância de o Brasil dar seguimento à agenda de reformas.

 

Informação: ME

Classificar post
Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo