conecte-se conosco

Brasil

Especial com Alcivando Lima – O QUE QUE É ISSO ALBERTO FERNÁNDEZ

Publicada

em

Imagem/Freepik

“Não ande atrás de mim, talvez eu não saiba liderar. Não ande na minha frente, talvez eu não queira segui-lo. Ande ao meu lado, para podermos caminhar juntos”. Provérbio Ute (Tribo indígena Ute – Utah/Colorado – EUA) – (Extraído de “Pensador”).

— Dia desses um cara me cutucou com vara curta.

— E é?… Posso saber quem?

— Pode e deve! O nome dele é Alberto Fernández e é o atual presidente da nação Argentina.

— Puxa vida! Caixa alta. O que ele disse ou o que fez?

— Disse baboseiras. Todos os terráqueos viram, só tu que não?

— Não, não vi e repito o que disse Stanislaw Ponte Preta (1923-1968 pseudônimo de Sérgio Porto, escritor, cronista, jornalista e radialista brasileiro): Televisão é uma máquina de fazer doidos mas, pra mim é o melhor soporífero que existe. Assim que ligo, puft, durmo na hora. Mas, o que mesmo disse esse cara que te deixou pê da vida?

— O Bertinho, (os chegados o chamam assim), rastou o maior papo dizendo que nos tempos da vaca magra, foi professor e, portanto, pode afirmar com sabedoria que brasileiros vieram da selva e argentinos da Europa em barcos elegantes, catitas.

— Hum, sei! Que mais?

— Que os mexicanos tem raízes indígenas.

— E daí? O que tem o c* a ver com as calças? Não somos todos latino-americanos? Não somos, todos, comedores de abóbora, cuscuz, jiló, tapioca, cambuquira, arroz, feijão e um franguinho com quiabo e angu?

— Pois é! Ei… psit.. tenha cuidado com os palavrões, viu?

— Tá, vou ter. Mas, ele tinha e tem que explicar que vieram nos porões encharcados dos barcos airosos, comendo sobra dos ratos, um povo feio, encardido, mas, gamaram, babaram e babam, mode namorar um bonitão brasileiro e arrastaram e arrastam o c* no cascalho por causa duma brasileira boazuda e, nessa miscigenação, foram saindo de branquelas baratas descascadas para uma corzinha de burro fugido, de gente menos feia.

— Certíssimo. Bora falar pra ele que nós, brasileiros, já estávamos aqui há séculos e quem chegou de barco mal cheiroso por aqui foram uns europeus que nos contaminaram com suas pestes e doenças e nos escravizaram, exploraram e nos enganaram. Que, segundo a Wikipédia, a colonização espanhola sobre a Argentina se deu ao longo dos séculos XV e XVI e que seu nome vem de Argentum, prata em latim. Esse metal precioso foi encontrado nas mãos de alguns indígenas (lá deles) que o haviam surrupiado duma expedição portuguesa capitaneada por Aleixo Garcia. Informa ainda a Wikipédia, que os primeiros seres humanos advieram da Patagônia, da região que hoje é o Chile, remontando a onze mil anos antes de Cristo.

— E agora Bertinho? Subdesenvolvimento não se improvisa, é obra de séculos, bem o disse o imortal Nelson Rodrigues.

Alcivando Lima é escritor.

Continue lendo
Clique para comentar

Você precisa estar logado para postar um comentário em Login

Deixe uma resposta