Jornal de Goiás – Órgão do Reino Unido age para evitar integração de app de entregas à Amazon

O órgão de defesa da concorrência do Reino Unido enviou à Amazon e à Deliveroo um pedido para bloquear o negócio em que a gigante norte-americana do comércio eletrônico tenta comprar a empresa de entregas de alimentos.

A Amazon comprou uma participação na Deliveroo em maio, liderando uma captação de recursos de 575 milhões de dólares para enfrentar a Uber Eats na corrida global para dominar o mercado de entregas de comida.

O pedido, na forma de uma ordem de execução inicial, é feito para evitar que as empresas se integrem após uma possível fusão, enquanto o órgão decide se precisa iniciar uma investigação sobre os efeitos do negócio sobre a competição.

“Acreditamos que esse investimento minoritário permitirá à Deliveroo expandir seus serviços, beneficiando os consumidores por meio de mais opções e criação de novos empregos, à medida que mais restaurantes obtêm acesso ao serviço”, afirmou a Amazon em um comunicado.

Avalie esta postagem
Mostre mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo