Jornal de Goiás – Jack Ma deixa a direção da Alibaba

O carismático empresário chinês Jack Ma deixou nesta terça-feira (10), depois de anos à frente da Alibaba, a empresa que ele fundou em 1999 e que revolucionou o comércio on-line na China, marcando profundamente a economia do gigante asiático.

Ex-professor de inglês, que completa 55 anos nessa terça, passará a integrar uma equipe de líderes respeitados, incluindo Daniel Zhang, CEO desde 2015.

Um dos homens mais ricos da China, com uma fortuna estimada em US$ 41 bilhões, Jack Ma quer se dedicar a projetos filantrópicos, incluindo educação.

Sua saída marca o início de uma nova era para uma empresa que conseguiu tirar proveito da incubação da Internet na China e apostou no crescimento do consumo doméstico, em um país que agora é líder do comércio on-line.

O empresário, que reconhece ele próprio uma certa semelhança física com o E.T., o alien criado por Steven Spielberg, também é conhecido por suas excentricidades.

Em 2017, vestiu-se de Michael Jackson em uma festa de gala, uma imagem bem distante da impassibilidade de muitos líderes chineses.

“Sua experiência como professor de inglês, juntamente com seu carisma e senso de humor, fizeram dele a figura emblemática de empresários chineses no exterior”, diz Duncan Clark, autor do livro “Alibaba: The House That Jack Ma Built” (“Alibaba: a casa que Jack Ma construiu”, em tradução livre).

“Sua influência como símbolo do empreendedorismo chinês é incomparável”, afirma o autor.

Jack Ma descobriu a Internet em uma viagem aos Estados Unidos nos anos 1990, quando era um empresário sem muitos recursos.

Depois de vários projetos na China, sem grande sucesso, ele convenceu um grupo de amigos a emprestar US$ 60.000 para lançar uma empresa de comércio on-line, a Alibaba, em 1999.

A empresa, cotada nos Estados Unidos, tem um valor de 462 bilhões de dólares, segundo a agência financeira da Bloomberg.

Jack Ma, que poderá manter algumas funções de consultoria na empresa, não comentou muito sobre sua aposentadoria.

Seu sucessor, Daniel Zhang, é conhecido por seu rigor e raramente aparece em público. Segundo a imprensa chinesa, foi ele que transformou o “trator” de Jack Ma em um poderoso “Boeing 747” do comércio pela Internet.

“Você precisa acordar a cada minuto, manter os olhos abertos durante o sono”, afirmou Daniel Zhang no ano passado.

Mostre mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo