BrasilManchetes

Dois jovens “falsos padres” participavam de missa transmitida pela Canção Nova

Jornal Opinião Goiás: 16 dezembro 2017 – 12:39

Nesta quarta-feira (13), dois jovens vestidos de falsos padres, participaram de uma missa transmitida pela Canção Nova. José Lucas Carlos Pinheiro, de 19 anos, e Jonathan Alifer Albuquerque da Silva, de 21, permaneceram ao lado do padre Roger Luís da Silva durante a cerimônia, até serem retirados do altar antes do fim da missa.

José Lucas, usava o nome de Dom Jorge Heracleo e criou a fictícia Arquidiocese de Gravatá (PE), cidade onde ele nasceu. Ele também a criou uma página no Facebook para a diocese falsa, onde postou fotos de sua suposta “celebração de posse Episcopal” estando acompanhado de Jonathan Silva e um terceiro falso padre.

Em outubro deste ano, os dois jovens já haviam sido denunciados pela Diocese de Caruaru (PE), responsável pela cidade de Gravatá. Eles foram acusados de celebrar missas e outros sacramentos. O padre Emerson Mozart da Silva, chanceler da Cúria de Caruaru, e Dom Bernardino Marchió, bispo da cidade, alertam os fiéis da região “a não participarem de celebrações por eles promovidas, pois as mesmas não têm nenhum valor religioso ou sacramental”.

Tags: Brasil, Manchetes, Canção Nova, Jornal Goiás, Religião

Dois jovens “falsos padres” participavam de missa transmitida pela Canção Nova
5 (100%) 1 vote
Tags
Mostre mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *